top of page

Prefeito Isaac Lima acompanhado do Deputado Federal Roberto Duarte realizam visita ao povo Nukini


Considerando-se o abastecimento alimentar, a Agricultura Familiar destaca-se por desenvolver culturas variadas e que, apesar da pequena escala, distinguem-se por sua qualidade e por sua característica altamente distribuída.


Sua dispersão geográfica a aproxima dos consumidores, privilegiando, principalmente, as comunidades mais distantes das grandes cidades e, por consequência, dos grandes centros de distribuição.

Este tem sido um dos carros chefes da Prefeitura de Mâncio Lima por meio da Secretaria Municipal de Produção, dinamizar a produção agrícola, manter o homem no campo, oferecendo alternativas agrícolas, levando investimentos e condições melhores para sua produção possibilitando a geração de renda. Os investimentos tem chegado nos quatro cantos da cidade e nas comunidades mais distantes como é o exemplo da Terra Indígena Nukini, localizada as margens do Rio Moa e distante cerca de cinco horas de barco do Porto da cidade.


Na última sexta-feira, 12, acompanhado do Deputado Federal Roberto Duarte, do Presidente da Câmara de vereadores Renan Costa, Secretários Municipais e parceiros da gestão, o Prefeito Isaac Lima realizou uma visita técnica na Terra Indígena para acompanhar as obras da construção de uma casa de farinha. A obra já está finalizada e custou R$ 100 mil, fruto de Emenda Parlamentar do Deputado Federal Roberto Duarte.

“Desde que assumi a Prefeitura eu fiz da área da produção uma das nossas prioridades de governo porque esta é uma das características de nossa cidade, somos um município essencialmente agrícola, ainda é um dos produtos que move a nossa economia. A partir disto, procuramos parceiros e recursos para investir no homem do campo. Tivemos a alegria de o Roberto Duarte, quando ainda era Deputado Estadual, enviar amenda de R$ 100 mil que nos possibilitou trazer esta casa de farinha moderna e ampla para esta comunidade. Me alegra muito em ver que este benefício já está sendo usado e, mais ainda, ver a alegria e a satisfação do produtor rural”, falou Isaac Lima, Prefeito de Mâncio Lima.


O número de beneficiados com a obra são mais de 100 famílias que sobrevivem da agricultura de subsistência em especial com a produção da farinha de mandioca. A aldeia, de acordo com dados do Instituto ISA, possui cerca de 622 pessoas em uma área de 27 mil hectares.


“É a primeira vez que visito esta aldeia e, faço isso com o coração cheio de alegria. É de suma importância para nós, enquanto parlamentar, atuarmos em todo o Estado do Acre e, quando eu vejo uma casa de farinha construída, em uso e que vai beneficiar dezenas de famílias é motivo de satisfação e de dever cumprido. Estou garantindo a construção de dois poços artesianos nesta terra indígena, vamos buscar trazer mais investimentos e benefícios para esta população que tanto necessita e precisa, com apenas três meses de mandato já estou aqui ouvindo, dormindo na comunidade para sentir como é a vida de quem vive em uma comunidade ribeirinha tão distante”, destacou Roberto Duarte, Deputado Federal.

A produção de farinha de mandioca é uma das principais atividades agrícolas da comunidade, anualmente é produzida uma média de sete toneladas de farinha. A iniciativa vai dinamizar a cadeia produtiva da mandioca na região.

“A nossa aldeia está muito feliz por receber este investimento que há tempos já reivindicávamos devido a necessidade do nosso povo. Com o apoio do Prefeito Isaac e do Deputado Roberto Duarte nossa produção será fortalecida e melhorada mais ainda”, finalizou Valdemir Ferreira, Amaral, produtor rural e líder da Aldeia Isã Vakevu.

Além da casa de farinha, foi anunciado a construção de dois poços artesianos para a comunidade fruto de emenda parlamentar do Deputado Federal Roberto Duarte.

Em seguida, as autoridades estiveram visitando a Aldeia Recanto Verde para acompanhar os trabalhos dos produtores rurais e prestigiar o aniversário do cacique Erisson Nukini. Ali, vivem 22 famílias, que fazem trabalhos espirituais e recebem turistas de diversas partes do Brasil. A aldeia vem se destacando pelo seu nível de organização, preservação ambiental e o resgate dos costumes e tradições do Povo Nukini, o povo da onça.

Galeria de imagens:

Assessoria de Comunicação Social

Jenildo Cavalcante

Beatriz Monte

Imagens: Evandro Ibernon

0 comentário

Commenti


bottom of page