top of page

Prefeitura, forças de segurança e gestores escolares alinham ações parta combater ameaças às escolas


A segurança nas escolas tem sido a pauta prioritária da nova gestão da Secretaria Municipal de Educação. Durante toda esta semana, reuniões foram intensificadas com as forças de segurança do Município e com os diretores das Escolas Municipais e Estaduais, a fim de dar início ao reforço do policiamento nas escolas, proporcionando mais segurança no ambiente escolar.

Na manhã da última quinta-feira, 13, a reunião contou com a participação do Comandante do Pelotão da Polícia Militar, 1º Tenente Nogueira, o Delegado de Polícia Civil José Obetânio e os gestores das escolas municipais e estaduais do município, reunião mediada pelo Secretário de Educação Junior Pinho. Durante a reunião foram as apresentadas as ações de segurança que estão sendo desenvolvidas nas escolas.


“Ações já sendo feitas pela Polícia Militar e com o apoio da Policia Civil. Estamos visitas as escolas pela através da nossa guarnição de serviço durante os turnos de aula e, a partir de segunda-feira, 17, estaremos voltando com as ações do PROERD nas escolas municipais. Estas ações fazem com que a Polícia Militar e Policia Civil estejam mais presentes e próximas às equipes gestoras das escolas para dar sensação de segurança e tranquilidade na execução de seus trabalhos”, destacou o 1° Tenente Nogueira, Comandante do 1º Pelotão da Polícia Militar.

Para o Secretário Júnior Pinho, o esforço tem que ser conjunto, pais, forças de segurança, governos e comunidade escolar. “Ficou combinado que todos os diretores farão uma reunião com os pais, conversando, esclarecendo da real situação e orientando estes a observarem o comportamento dos seus filhos ao irem par escola. Todos os pais podem ficar tranquilos que estamos trabalhando para normalizar essa situação e evitar qualquer tipo de violência contra nossas crianças”, disse Júnior Pinho, Secretário Municipal de Educação.

Ficou decidido que as aulas continuam normalmente, tomando as devidas precauções, os gestores irão realizar reuniões com os pais para maiores informações, inclusive com a participação da PM e Policia Civil e a intensificação das rondas policias, tanto nas ruas de entorno das escolas, quanto dentro das repartições de ensino verificando qualquer ação suspeita e outras anormalidades.

A ação objetiva pretende coibir qualquer tipo de violência na rede de ensino pública e privada. Com o policiamento, as equipes policiais podem fazer diagnóstico de possíveis conflitos nas escolas e se aproximam dos alunos e dos servidores, proporcionando maior sensação de segurança.

Galeria de imagens:


Assessoria de Comunicação Social

Jenildo Cavalcante

Beatriz Monte

Imagens: SEMEC



0 comentário

Comments


bottom of page