top of page
  • Foto do escritorJenildo Cavalcante

No Dia da Árvore, Prefeitura incentiva o plantio de arvores em prédios públicos e residências


Foto: Evandro Ibernon

Quinta-feira, 21 de setembro, comemora-se o Dia da Árvore. A celebração tem como objetivo promover a conscientização sobre a importância da preservação das árvores e das florestas. Esse incentivo à proteção do meio ambiente serve para que as pessoas criem hábitos que preservem o ecossistema, sobretudo a espécie humana.


Para celebrar e conscientizar alunos e professores quanto a importância da preservação de nossa floresta e do plantio de arvores no quintal, a Secretaria de Meio Ambiente e Turismo realizou uma palestra no Colégio Pe. Edson com a realização de dinâmicas e brincadeiras sobre a importância do meio ambiente para as crianças.

A data comemorativa foi escolhida por anteceder o início da primavera no Hemisfério Sul que, dependendo do ano, pode ocorrer entre os dias 22 e 23 de setembro. Um importante símbolo para a comemoração é o ipê-amarelo – árvore escolhida junto com o pau-brasil para representar a nação brasileira. As mudas foram doadas por meio de uma parceria entre empresas ambientais locais, Agro Brandão Consultoria Agronômica, Luciano Rocha e Edvaldo Barbosa Engenharia Florestal que incentivam e trabalham com reflorestamento.

Ao final, escola e técnicos da secretaria plantaram três mudas de Ipê Amarelo, Mogno Africano e Eucalipto para simbolizar a importância da arborização e jardinagem em prédios públicos e residências.


Em um Município, as árvores são muito importantes para o bem estar do cidadão. Entre os inúmeros benefícios, elas absorvem o gás carbônico (CO2) e liberam oxigênio, melhorando a qualidade e umidade do ar, além de absorver ruídos e o barulho na cidade.

A ação está dentro do proposto no Objetivo de Desenvolvimento Sustentável 11, que fala sobre a necessidade de tornar as cidades e as comunidades sustentáveis, de forma a garantir, até 2030, acesso a moradia segura, adequada e acessível; acesso aos serviços básicos e urbanização inclusiva e sustentável; acesso ao transporte seguro, acessível, sustentável e eficiente; redução do número de pessoas afetadas por catástrofes naturais; redução do impacto ambiental negativo e, proporcionar o acesso universal a espaços públicos, inclusivos e verdes, entre outros.

Assessoria de Comunicação Social

Jenildo Cavalcante

Beatriz Monte

Imagens: SEMATUR

0 comentário

Comments


bottom of page