• Jenildo Cavalcante

Mâncio Lima realiza primeira oficina de avaliação do Plano Municipal de Educação


Professores e gestores escolar na oficina do PME

Três anos após sua aprovação pela Câmara de Vereadores, Secretários, professores, gestores de escolas e autoridades locais reuniram-se na última quarta-feira, 12, na Casa de Cultura Márcia Alencar, para avaliação e divulgação do Plano Municipal de Educação. O Plano foi aprovado em 2015 tornando-se a Lei 345/2015 que norteia a politica educacional no Município.


Secretário Municipal de Educação, Cultura e Desporto, Arcanjo Leite

“Hoje, nosso papel é fazermos à primeira avaliação do mesmo, analisando meta por meta e identificando os avanços desde sua aprovação. Nesse primeiro encontro já é possível visualizarmos avanços significativos tais como: elaboração do Plano Anual de Monitoramento e Avaliação do PME, avançamos na ampliação e melhoramento dos espaços físicos, inaugurando novas creches e escolas e outras em fase de construção, ampliamos a oferta de vagas no Ensino Infantil e no Ensino Fundamental, climatizamos as salas de aula e melhoramos em 100% o transporte fluvial, habilitando barqueiros, ofertando coletes e garantindo segurança no transporte dos alunos, o transporte urbano e rural ganhou novos ônibus e recuperamos o estofamento dos demais. Muito já foi feito em 18 meses de gestão porém, temos muito a ser feito”, disse Arcanjo Leite, Secretário Municipal de Educação, Cultura e Desporto.


Profesores, Gestores de escolas Municipais e Estaduais presentes na oficina

Com vigência de 10 anos e elaborado com a participação da comunidade escolar e da sociedade civil o Plano Municipal de Educação de Mâncio Lima é composto por 19 metas e 206 estratégias para melhorar a educação no Município. Dentre as diretrizes estão à universalização da educação básica para todos os cidadãos em idade escolar; ampliação em creche para a população de até três anos de idade; valorização dos professores, assegurando as condições necessárias para o seu desenvolvimento; inclusão de todos os alunos com deficiência e; erradicação do fracasso escolar nas escolas de Mâncio Lima. O PME é acompanhado e monitorado pelos órgãos estaduais de controle e fiscalização.


Ângela Valente, Vice-Prefeita e o Secretário de Educação, Arcanjo Leite

“A educação é à base de tudo e o compromisso de nossa gestão é de assegurar que as metas estabelecidos neste plano sejam cumpridas. A gestão tem tido um olhar muito especial para este plano e para as metas e ações contidas no mesmo. Sabemos que por se tratar de um plano decenal temos desafios e dificuldades a serem superadas. Vejo este documento de primordial importância para elevarmos os índices da Educação Básica, melhorar a oferta de vagas, ampliar e adequar os espaços físicos criando ambientes sadios de convivência e aprendizado. Nós enquanto gestores municipais temos que ter esse olhar atento as metas contidas no documento pois, aqui está refletido o desejo de alunos, professores e toda sociedade Manciolimense”, falou Ângela Valente, Vice-Prefeita e Secretaria Municipal de Assistência Social.


O Plano Municipal de Educação de Mâncio Lima foi construído de forma democrática e participativa. Diferentes setores do município tiveram participação como: Poder Executivo (Prefeitura e Secretaria Municipal da Educação, secretarias afins); representante do Conselho Municipal de Educação, Conselho Tutelar; Diretorias de Escolas Municipais e Estaduais, lideranças religiosas; Ministério Público; Associações e Sindicatos de Professores e outros profissionais do setor.


Professores e Gestores Escolar presentes na oficina do PME

“O PME é de grande importância para nossa cidade. Eu participei da sua discussão, elaboração e primeiramente dizer que o município está de parabéns pela sua implementação, pois, foi um plano amplamente discutido, levado a discussão para a Câmara de Vereadores com a participação de toda a comunidade e, após esses três a já conseguimos ver os avanços, algumas coisas precisam ser implementadas, mas no geral já vimos avanços. No tocante a qualificação dos profissionais é preciso avançarmos mais para que tenhamos êxito na implementação do PME”, finalizou Josimar Araújo Rodrigues, Diretor da Escola Estadual Francisco Freire de Carvalho.


Jenildo Cavalcante

Assessoria de Comunicação Social

Imagens: Raphaela Barbary

Menu da Transparência

Saiba como e onde o Prefeito tem investido as arrecadações.

Portal da Transparência

Pessoal / RH

Patrimônio Público

Veículos & Frotas

OGU/Emendas Parlamentar

Convênios Federais

Lista dos beneficiários do Bolsa Família

Transferências Acumuladas

(FPM, Fundeb, Sal. Educação, ITR, FEX, CIDE, FEP, CFEM, AFM, Lei 87-96 "Kandir", ICMS) por ano

Lista de Precatórios

Rede SIM "Simples"

Sala do Empreendedor

Acesso à informação

   Registro

   Consulta

   Estatísticas do "e-Sic"

   Glossário

 

Fale Conosco

   Estatísticas de Contato

Desenvolvido por

DECORP - Conectando pessoas