top of page

Em Mâncio Lima gestores discutem os caminhos para uma cidade sustentável e resiliente


As políticas de meio ambiente em Mâncio Lima têm ganhado visibilidade está se tornando referência no estado do Acre e na região Norte do país. Pensar globalmente e agir localmente tem sido o ponto de partida para tornar a cidade resiliente e sustentável, tomando como base a Agenda 2030 e os ODS - Objetivos do Desenvolvimento Sustentável.


Na manhã desta quinta-feira, 22, o Prefeito Isaac Lima, a Vice-prefeita Ângela Valente, gestores municipais, professores e técnicos ambientais se reuniram na Secretaria de Meio Ambiente e Turismo para conhecerem a experiência exitosa do Município de Barcarena – PA, alinhamento das ações da Agenda 2030 e os passos da elaboração da Plataforma informatizada.

“Eu fico muito feliz e animado em ver que nossa equipe tem procurado conhecer outras experiências em meio ambiente e, de maneira muito especial a cidade de Barcarena. O que pude constatar é que é possível sim adotar ações que a cidade já está fazendo, em Mâncio Lima demos saltos importantes nas políticas de meio ambiente e, com a Agenda 2030 seremos um município pioneiro e referência no Estado do Acre", disse Isaac Lima, Prefeito de Mâncio Lima.

A cidade de Barcarena, localizada na região metropolitana de Belém – PA, está há 10 no alinhamento das ações às metas do pacto Global da ONU, a Agenda 2030 e os ODS. A cidade tem adotado diversos pactos da ONU na busca do desenvolvimento sustentável e da resiliência climática.

“O exemplo de Barcarena nos impressionou pelo engajamento social e a vontade política dos gestores daquela cidade, é um município onde as ações são integradas e associadas aos ODS com isso, a participação da sociedade civil e do poder público é efetiva, com resultados positivos e que tem servido de referência e modelo para outras cidades. O que vimos lá é perfeitamente possível ser aplicado aqui, pois, a cidade não está inventando a roda, está trabalhando as ações diárias de forma integrada aos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável”, disse Jenildo Cavalcante, Técnico Ambiental.

Um outro tema discutido na reunião foi a apresentação dos passos da construção da Plataforma Informatizada e Tecnológica que irá possibilitar o armazenamento, integração, gerenciamento, atualização permanente, planejamento e disponibilização da base de dados e mapas do município para dar suporte à sua gestão do territorial e ambiental. A plataforma será um importante instrumento de gestão e planejamento agregando informações de todas as pastas da Prefeitura.

A fase atual é de levantamento de informações das secretárias para o banco de dados que será criado possibilitando futuramente que qualquer cidadão possa acessar e conhecer os diversos aspectos de desenvolvimento do município.


Uma comitiva formada por sete pessoas esteve na cidade do dia 05 a 09 de junho para conhecer as diretrizes da gestão para cuidar das pessoas, por meio da entrega de obras e de serviços.

Assessoria de Comunicação Social

Jenildo Cavalcante

Beatriz Monte

Imagens: Evandro Ibernon

0 comentário

Comments


bottom of page